HOME     COLUNISTAS     QUEM SOMOS     RAÇAS     FOTOS     NOTÍCIAS     CONTATO

    cachorro_mexendo_rabo_1

DOENÇAS
Acne 27/03/2014 às 13:28:00


O Texto a seguir foi retirado na integra do ótimo Blog da DrªAna Quevedo -VET PET DICAS

 

A acne canina/felina é considerada um processo bacteriano profundo.

Assim como o homem, cães e gatos também podem ser acometidos pela acne, cuja frequência de ocorrência é maior em raças de pelagem curta como boxers, bulldogues, dobermans e weimaraners. Nos cães a enfermidade ocorre com maior predominância durante o primeiro ano de vida, no período de puberdade, onde ocorrem as mudanças hormonais.
 

Fatores predisponentes demodicose, raça, traumatismo, imunodeficiencia, idade.

Sinais clínicos
 : Edema (inchaço), nodulações cutâneas, exsudação purulenta hemorrágica (secreção com pus e sangue), prurido (coceira) e dor.


Há febre, inapetência e infartamento do gânglios regionais.
 
img:nzymes.com

                       Hipotricose (poucos pelos), que pode evoluir para alopecia (ausencia de pelos), quadros crônicos com hiperqueratose (placas duras), hiperpigmentação. 


 


A pele  fica multinodular e cada nodulação contém 1 ou mais microabscessos que quando comprimidos deixam escapar secreção por vários orifícios. Quando há trauma na região, a secreção flui normalmente, sem precisar sequer comprimir. 

img:ocpets.ocregister.com


 

 

                           Nos felinos a doença pode ocorrer em qualquer fase de suas vidas. Uma boa maneira de se prevenir a acne é limpar diariamente a região do queixo e lábios.

 
IMPORTANTE SABER

Diagnóstico : Clínico, raspado (ou coleta da secreção purulenta), cultura e antibiograma, biópsia cutânea (mais indicada nos processos graves, sem ter tido sucesso com a antibioticoterapia - há foliculite (greve, profunda) ou furunculose.

Tratamento
 : Antibiótico sistêmico (3 a 6 semanas)
                      Banho diário por 3 a 6 dias (só nas lesões), depois alternando para 2 em 2 dias e depois a cada 3 dias com shampoo/sabonete específicos
                     Nos processos parasitários, banhar as lesões após o banho parasiticida recomendado. 

                     Creme/pomada antibiótico + anti-inflamatório
                     Não fazer compressão das lesões 
(Por Drª Ana Quevedo )
NÃO FAÇA USO DE QUALQUER MEDICAÇÃO SEM ANTES CONSULTAR UM VETERINÁRIO DE SUA CONFIANÇA.
Fontehttp://anaquevedodicasvet.blogspot.com.br/2011/11/acne-canina-e-felina.html 

Veja esta DICA sobre vasilhames do Blog Amor &Miados (este Blog vale uma visita):
Potes de plástico devem ser evitados, são uma das principais 
razões para o aparecimento da acne felina. 
O plástico, com o uso contínuo, vai se deteriorando e mesmo 
em espaços microscópicos, bactérias e sujeira se acumulam. 
Alguns estudos também indicam que há animais alérgicos ao plástico.
Recomendo potes de inox ou de melamina (vidro e ágata também é OK), tanto para cães e gatos, pela qualidade do material e também pela facilidade da limpeza. É 
necessário lavar os comedouros e bebedouros pelo menos uma vez por dia, com sabãoEscaldar os pratos também aumenta a higienização dos mesmos. 
 
Comedouros e bebedouros desses materiais não são caros e duram 
bastante, um ótimo investimento na saúde do gatinho (ou cão).
Fonte:http://amoremiados.blogspot.com.br/search/label/acne%20felina(acesse para ler matéria completa)
Por: DENISE DECHEN (http://dicaspeludas.blogspot.com.br/)
Com informações: http://dicaspeludas.blogspot.com.br/

 






ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Sandra Bullock doa 100 mil dólares para ajudar animais vítimas de incêndio
15/11/2018 às 20:15:23

Conheça os alimentos mais venenosos para seu cão
06/11/2018 às 23:11:07

Um cão de rua entra em uma delegacia e se torna policial
06/11/2018 às 23:08:19

Quantas refeições o seu cão deve fazer?
06/11/2018 às 23:05:53


© Canil Garra 2018. Todos os direitos reservados. Webmail

E-mail: contato@canilgarra.com.br

Fale Conosco