HOME     COLUNISTAS     QUEM SOMOS     RAÇAS     FOTOS     NOTÍCIAS     CONTATO

   

AGENDA
Marcha da Defesa Animal ocorre no dia 20 de junho 27/05/2014 às 11:36:14

Ao contrário do que vinha sendo noticiado no site do Diario de Pernambuco, a Marcha de Defesa Animal não acontece no dia 25 de maio, mas sim no dia 20 de junho. A mobilização é nacional e, em Recife, ocorre a partir das 14h. A concentração está marcada para ser no 3º Jardim, no Bairro de Boa Viagem. 

Em uma página na rede social Facebook (https://www.facebook.com/MarchaDaDefesaAnimal)  o grupo que organiza o evento divulgou as causas que serão defendidas durante o ato de mobilização. Na ocasião os participantes poderão assinar uma petição para transformar em lei alterações do Código penal como pena mínima seja de 8 anos e 1 mês de prisão, em toda a seção de crimes contra a fauna, afastando a possibilidade de transação penal, o que implicará em maior controle e diminuição de tais crimes; aumento da pena máxima no artigo 391 para 10 anos de prisão, face às recorrentes, perversas e fortuitas crueldades cometidas diariamente contra os animais, tais como: maus tratos, tortura, extermínio, rinhas;pena de 8 anos e 1 mês a 12 anos para crime de abuso sexual (zoofilia); em caso de morte do animal, de 12 a 30 anos, nos moldes do artigo 213, § 1º e 2º, do Código Penal Brasileiro em vigor, posto que os animais são tão vulneráveis quanto crianças e pré-adolescentes. Nove entre dez cadelas morrem e, as que sobrevivem, sofrem lesão corporal e padecem de infecções, quando não resulta em câncer;

Os ativistas também reivindicam aumento da pena para o tráfico de animais silvestres, por colocar em risco a biodiversidade do planeta. Atualmente o tráfico de silvestres é tido como o terceiro maior negócio ilegal do mundo, superado apenas pelos tráficos de armas e de drogas; revogação à Lei do CONAMA, a qual aprova Resolução que permite a posse, pela população, de animais silvestres de origem ilegal; fim do uso de cães para guarda e segurança de estabelecimentos comerciais e fim do uso de animais em testes para medicamentos, cosméticos e qualquer tipo de experimentação com o uso de substâncias químicas, bem como qualquer atividade que provoque sofrimento ao animal.

 

 

Fonte: (Diário de Pernambuco)






ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Mastim napolitano: Saiba tudo sobre essa raça
03/10/2018 às 22:20:29

Raiva ameaça 170 mil cães e gatos em BH; baixa cobertura vacinal obriga PBH a estender campanha
03/10/2018 às 22:04:29

Pet hotel e sócios são condenados a indenizar família por fuga e desaparecimento de cães
03/10/2018 às 22:00:20

As cadelas podem ter mastite?
02/10/2018 às 22:40:44


© Canil Garra 2018. Todos os direitos reservados. Webmail

E-mail: contato@canilgarra.com.br

Fale Conosco