HOME     COLUNISTAS     QUEM SOMOS     RAÇAS     FOTOS     NOTÍCIAS     CONTATO

    Rede Aleluia

ADESTRAMENTO
Dispositivo ajuda no adestramento de cães 27/01/2016 às 17:44:48

Quer adestrar seu melhor amigo e não sabe por onde começar? Uma das formas mais conhecidas para treinar o pet é pela troca, como dar a patinha e ganhar um petisco. A recompensa pode funcionar muito bem, pois o cão logo associa a tarefa solicitada a algo bom. E é dessa técnica que surgiu um dispositivo que promete ajudar no treinamento dos cães: o clicker.

Reprodução/SOS Animal com Amor
O clicker gera interações positivas com o cão, permitindo o adestramento

É muito usado nas técnicas de adestramento que se baseiam na recompensa por bons comportamentos. O dispositivo emite um som, que mais tarde será associado com algo bom para o cão, como um petisco. Então, você precisa ser paciente, não adianta só sair clicando!

O treinamento com o Clicker foi desenvolvido por duas psicólogas nos anos 1960, durante uma pesquisa. Com o objetivo de adestrar pombos selvagens, e sabendo que somente dar elogios e recompensas o tempo todo não era eficaz, elas utilizaram técnicas semelhantes às do Behaviorismo para criar conexões cognitivas de associação da recompensa. Nascia aí o clicker.

Adestramento Positivo

O uso do dispositivo tem como finalidade recompensar os comportamentos e atitudes desejadas. Este tipo de treinamento fortalece a amizade entre o animal e seu dono, criando um real aprendizado, não somente uma relação de dominância onde o animal é coagido a agir de forma determinada.

Este tipo de treinamento costuma ser muito agradável, pois quanto mais o animal enxergar aquilo como brincadeira, melhor! O adestramento usa as conexões cognitivas, ou seja, a capacidade de associação do animal, e acaba sendo muito mais gentil com o bichinho. Por exemplo: Para ensinar um cão a sentar com o adestramento positivo, jamais usa-se a força para obrigar o cão a dobrar as patas traseiras. O recomendado neste caso é colocar um petisco bem acima de seu focinho, na altura das narinas, e levar sua mão para trás rapidamente, fazendo com que o cão tenha que sentar para alcançar o petisco.

Truques simples

Alguns adestradores utilizam outros métodos, normalmente associados à teoria da dominância, onde o profissional se impõe ao animal como superior. Mas lembre-se: o clicker só deve ser usado para o adestramento.

Como adestrar meu cão usando o clicker?

Para que o clicker se torne efetivo, você deve associá-lo à recompensa. Chame a atenção de seu pet, clique e dê um petisco logo em seguida. Desta forma ele irá associar o barulho com o prazer do petisco. Repita isso muitas vezes, até que você perceba que seu cão já faz a associação.

  • Dica PetMag: Opte por petiscos saborosos e macios, e que não demorem muito tempo para serem mastigados. Pedacinhos de frango ou peito de peru são uma boa pedida.

Uma vez que o barulho esteja associado, a comida não será mais necessária para ensinar os truques. O ideal é que você comece com truques simples, como sentar ou ir para a casinha. Além disso, o timing correto é essencial para que o cachorro entenda que a recompensa veio pelo seu comportamento. Tente usar o clicker no mesmo instante em que o cão fizer o truque.

Para que o peludo aprenda boas práticas, use o clicker para ensiná-lo mesmo quando ele não está sendo adestrado. Seu cão costuma pedir comida no jantar, mas hoje resolveu ficar sentadinho e esperar sua vez? Dê um clique. Mesmo que pareça que ele não ouviu, seu cérebro estará fazendo associações com seu comportamento atual. O mesmo serve para ensinar o cão a fazer xixi no local certo, ou a não latir para as visitas.

Como eliminar mal comportamento usando o aparelho?

Se o seu cão pula nas visitas ou sobe no sofá, não brigue ou grite. Apenas tire-o de lá, e dê um clique ao colocá-lo no chão. Se ele late demais, aguarde o silêncio e dê um clique. Pode demorar um pouco mais, mas logo o animal entenderá que um comportamento é mais adequando do que outro.

Existe alguma desvantagem no uso do clicker?

clicker é um método fantástico, mas como tudo, tem seu lado ruim. Podemos citar a necessidade de estar com o aparelho sempre a mão, ou a possibilidade de seu cão se assustar com o som do aparelho, mas no fim das contas, este é um dos métodos mais eficazes de adestramento.

Se você quer saber mais sobre a técnica, assista ao vídeo abaixo.

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: (PetMag)






ÚLTIMAS NOTÍCIAS
8 animais que vivem em rios
18/08/2018 às 20:54:56

Infecção do trato urinário em cães: causas e tratamento
18/08/2018 às 20:51:55

Tempo seco afeta a saúde dos gatos e também dos cães. Saiba o que fazer
18/08/2018 às 20:26:09

Esquilo cinzento: conheça todas as suas características
14/08/2018 às 23:16:47


© Canil Garra 2018. Todos os direitos reservados. Webmail

E-mail: contato@canilgarra.com.br

Fale Conosco