HOME     COLUNISTAS     QUEM SOMOS     RAÇAS     FOTOS     NOTÍCIAS     CONTATO

   

ADESTRAMENTO
As 3 melhores formas de socializar um cachorro 17/06/2017 às 18:31:27

Os veterinários e especialistas em comportamento animal sempre nos alertam sobre a importância da socialização dos cães. Não importa se se tratam de filhotes ou de cães adultos, é a ferramenta fundamental para que o bichinho reaja de maneira adequada perante diferentes situações. Mas, quais são as melhores formas de socializar um cão? Contamos sobre elas aqui.

Por que é importante socializar os animais de estimação

A socialização de nosso amigo de quatro patas permitirá ao animal de estimação não sentir medo nem se mostrar agressivo diante de:

  • Pessoas desconhecidas
  • Outros animais
  • Ambientes que possam parecer-lhe estranhos

Considere que socializar um cão de maneira adequada com certeza evitará a maioria dos problemas de comportamento que o bichinho pode apresentar . Além disso, um cão que foi bem socializado também será mais fácil de ser adestrado.

Socializar um cão é algo fundamental para que o animalzinho cresça sem medo e não desenvolva comportamentos agressivos. Conheça quais as melhores formas para conseguir isso.

 

Conheça as melhores maneiras para socializar um cachorro

Ainda que a socialização de um bichinho seja um processo que se estenda ao longo do tempo, é importante que seja bem trabalhada nos três primeiros meses de vida dele. De qualquer maneira, se você se encontra diante de um cão adulto que não foi socializado adequadamente, não fique desesperado, também existem formas de se reverter essa situação.

Estas são, então, algumas das melhores formas de socializar um cachorro:

  1. Programe visitas a sua casa para que seu animal de estimação comece a se habituar com a presença de outros animais e pessoas

Antes de seu filhote tomar todas as vacinas necessárias, você deve evitar que ele saia à rua para que não contraia nenhum tipo de doença.

Nesse período, você pode pedir aos seus familiares e amigos que venham a sua casa com os filhos deles, e acompanhados de seus animais de estimação. Isso sim, vai garantir que os animais tenham caderneta de vacinação em dia e desenvolvam uma boa personalidade.

O ideal é que você gere um ambiente lúdico, assim seu cãozinho vai relacionar o contato com outros seres vivos a situações positivas.

Resumindo, o que seu filhote deve ter bem claro é que, além de seus donos, outras pessoas podem fazer carinho nele e brincar com ele. E que se relacionar com seus semelhantes é algo normal. Assim, deixe-o farejar, brincar e, inclusive, simular uma “luta”: é um programa divertido.

  1. Faça com que seu cachorro conheça diferentes ambientes

Uma vez que seu cão já tenha cumprido o cronograma da caderneta de vacinação, é hora de ir à rua começar a dar os primeiros passeios. Lá, voltará a se encontrar com humanos e animais que são estranhos. Mas já aprendeu que é normal se relacionar com eles.

Mas, agora também deve aprender que existe um novo entorno, que ele não deve temer. Por isso, sempre tomando as devidas precauções, e sem deixá-lo agoniado, permita-lhe explorar e ir se habituando aos barulhos dos motores e das buzinas. E também aos cães que, possivelmente, possam parecer-lhe gigantes ou, a princípio, pouco amigáveis.

É importante, além disso, que você o faça conhecer diferentes ambientes, tanto da cidade quanto do campo.

  1. A paciência como um trunfo para socializar com sucesso um animal adulto

Socializar um cão adulto não é uma tarefa tão simples, mas, com um pouco de paciência, tudo pode ser conseguido. O melhor que você pode fazer é realizar longos passeios com seu bichinho por áreas onde transitam geralmente humanos e cães. E tentar fazer com que, lentamente, ele comece a entrar em contato com seus semelhantes.

Se o seu animal de estimação tiver uma boa atitude com relação aos outros animais e pessoas, premie-o de alguma maneira que seja do gosto dele. Pode ser oferecendo-lhe uma guloseima, fazendo um carinho, dando uma palavra de consolo, etc. em troca, se ele se mostrar temeroso ou agressivo, afaste-o da “zona de conflito” e deixe a tentativa para uma oportunidade mais à frente.

Além disso, você pode pedir a um familiar ou amigo que tenha um cão sociável para que acompanhe vocês nos passeios. Dessa forma, seu bichinho vai se habituando pouco a pouco à companhia de outros animais de estimação e pessoas.

De qualquer forma, se suas tentativas de socializar seu cachorro não tiverem resultado, você sempre pode pedir um aconselhamento e ajuda de um veterinário ou de um especialista em comportamento animal.

 

 

 

 

 

 

Fonte: (Meus Animais)






ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Sandra Bullock doa 100 mil dólares para ajudar animais vítimas de incêndio
15/11/2018 às 20:15:23

Conheça os alimentos mais venenosos para seu cão
06/11/2018 às 23:11:07

Um cão de rua entra em uma delegacia e se torna policial
06/11/2018 às 23:08:19

Quantas refeições o seu cão deve fazer?
06/11/2018 às 23:05:53


© Canil Garra 2018. Todos os direitos reservados. Webmail

E-mail: contato@canilgarra.com.br

Fale Conosco