HOME     COLUNISTAS     QUEM SOMOS     RAÇAS     FOTOS     NOTÍCIAS     CONTATO

   

CURIOSIDADES
Por que meu cachorro “corre” quando está dormindo 05/09/2017 às 18:09:07

Além da moda ou da escolha da coleira pelos donos, foram lançados alguns acessórios que usam as cores para alertar sobre a personalidade do seu cachorro. Elas são mais do que interessantes e muito eficazes! Não hesite em usá-las em seus animais de estimação.

Cor da coleira e a personalidade do animal

Se você for a algum lugar onde há criação de cavalos, talvez chame a atenção que um deles tenha um laço vermelho no rabo. Isso significa que é um espécime que geralmente “dá coices” naqueles que se aproximam deles. Este aviso mantém a segurança das pessoas e a tranquilidade do animal, que não é perturbado.

Este código de cores foi transferido para o mundo dos cães. O sistema serve para “ensinar” as pessoas sobre a personalidade e as necessidades do cão em questão.

A iniciativa começou com uma fita amarela. Ela era atada à correia, pescoço ou coleira do animal, graças a uma organização sem fins lucrativos. “The Yellow Dog Project” começou em setembro de 2012. Seu objetivo era que as pessoas perguntassem aos donos de animais de estimação antes de se aproximarem de pet para acariciá-los… Especialmente para permitir ou não que crianças e cães entrassem em contato.

 

Em pouco tempo, esse projeto se espalhou por todo o mundo e hoje está presente em mais de 40 países. Através de um laço ou de uma coleira amarela, os transeuntes podem saber se o cão é agressivo com outros animais, se ele não gosta de crianças ou mesmo se ele não aceita pessoas de certa altura.

Coleiras para aumentar a conscientização

O Yellow Dog Project tenta conscientizar as pessoas das necessidades especiais de um cachorro. Ou porque ele está sendo treinado, porque ele está se recuperando de um tratamento médico, porque sofreu abuso no passado, porque não é muito amigável com estranhos ou porque está com calor.

De acordo com os diretores da fundação, os cães precisam ter seu lugar. Não é que o animal é agressivo “porque sim”, mas porque tem medo, sente dor ou foi resgatado de um abrigo. Talvez sejam animais que viviam na rua, que estão em treinamento ou que ainda não dominam a obediência ao dono.

A organização esclarece que o uso da identificação amarela não implica que o proprietário possa ignorar o treinamento. Ou você não precisa explicar aos outros como interagir com o animal. Por sua vez, não é uma confissão de culpa ou motivo para sentir vergonha do animal de estimação.

Na Europa, este projeto já é um sucesso, bem como na América do Norte e na Austrália. Ainda deve chegar à América do Sul, África, região sul da Ásia e leste europeu.

Diferentes cores de coleiras para o seu cão

Além do projeto Yellow tie, a empresa Friendly Dog Collars pretende adicionar mais tonalidades para explicar certos problemas relacionados ao comportamento ou reações dos peludos. Eles vendem coleiras e correias de várias cores. Além disso, a atitude do animal é especificada em palavras.

Jon Saville é o fundador da empresa. Ele possui um Staffordshire Bull Terrier (raça considerada perigosa), que se cansou dos preconceitos dos transeuntes quando saía para andar com seu animal de estimação. Foi por isso que ele decidiu desenvolver essa gama de acessórios, que tem sido um sucesso entre os proprietários de animais no mundo inteiro. É uma forma de aumentar a conscientização e conscientizar quem ama animais de estimação.

O código ou sistema de semáforo simples dá voz aos cães para que eles expliquem como é sua personalidade. Isso se traduz em passeios mais seguros para o animal, proprietário e as pessoas que atravessam a rua ou parques. Os significados das cores são:

  1. Vermelho: não devemos abordá-los. Cuidado.
  2. Laranja: o animal não se dá bem com outros cães.
  3. Amarelo: nervoso e imprevisível. Também pode significar que está em adoção.
  4. Verde: livre para se aproximar sozinho ou com animais. Ele é amigável.
  5. Azul: está de plantão ou sendo treinado, portanto não pode ser incomodado.
  6. Branco: um cão que é surdo, cego ou com uma deficiência.
  7. Roxo: você não pode alimentá-lo (por algum motivo, como por questões de saúde).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: (Meus Animais)

 
 





ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Operação de proteção da mata atlântica termina com dois presos e mais de R$ 5 mi em multas em Minas
17/09/2018 às 22:01:12

9º Encontro de Cães e Criadores acontece em Itabira, MG
17/09/2018 às 21:35:49

Todo sobre a fauna siberiana
11/09/2018 às 22:45:24

Dicas de como lavar os olhos do seu cão
11/09/2018 às 22:42:55


© Canil Garra 2018. Todos os direitos reservados. Webmail

E-mail: contato@canilgarra.com.br

Fale Conosco