HOME     COLUNISTAS     QUEM SOMOS     RAÇAS     FOTOS     NOTÍCIAS     CONTATO

   

COLUNISTAS
Dr. Alexandre Explica: Vacinação de cães e gatos, um gesto de amor a seu pet 13/11/2016 às 21:22:33
Os cães e gatos estão sujeitos a diversas doenças infectocontagiosas no seu dia a dia, a melhor forma de proteger seu melhor amigo é através de um esquema de vacinação correto e seguro.
   Existem no mercado pet diversos laboratórios que fabricam diversas marcas de vacinas nacionais e importadas a venda em diversos estabelecimentos voltados aos donos de cães e gatos, em nossa rotina é muito comum encontrarmos casos de animais doentes com doenças infecciosas que foram vacinados com vacinas de baixa qualidade, como são doenças geralmente muito agressivas e de difícil tratamento o índice de mortalidade é muito alto principalmente em filhotes, mas qual o método correto de vacinar meu pet?
   Mais uma vez friso que seu veterinário é a pessoa mais indicada para lhe indicar um esquema vacinal, pois estes esquemas podem variar de acordo com o tipo da vacina utilizada e a situação de risco ou desafio vacinal que cada animal está exposto em seu meio ambiente, cães que vivem em apartamentos, por exemplo, tem esquemas diferenciados de cães criados em fazendas ou em áreas abertas, ou ainda cães de trabalho como os cães farejadores da policia por exemplo.
   Pois bem de maneira geral podemos dizer que o esquema mais utilizado em vacinações de cães é feito com aplicação de três doses de vacinas óctuplas, que são vacinas que protegem contra 08 cepas diferentes de vírus, este esquema geralmente se inicia quando o animal tem de 6-8 semanas de vida e as doses são repetidas a cada 3-4 semanas, após os quarto mês de vida é feita a vacina antirrábica, anualmente é feito um reforço vacinal com 01 dose antirrábica e 01 dose de vacina óctupla, os felinos geralmente são vacinados em torno de oito semanas de vida com aplicação de 02 doses da tríplice felina com intervalos de quatro semanas e a aplicação da vacina antirrábica após quatro meses de vida, existem também as vacinas contra gripe, Giárdia e leishmaniose no caso dos cães e vacina contra a Felv (Leucemia Felina) no caso dos felinos, mas estas são doenças que iremos discutir em outros artigos futuros e sua vacinação é indicada em casos específicos de surtos ou endemias locais ou sazonais.
   Mantenha sempre as vacinas de seu pet em dia siga as recomendações de seu veterinário e procure sempre empresas capacitadas para oferecer vacinas de qualidade para seu pet, afinal com saúde não se brinca. Boa semana.
 
Por:

Dr Alexandre Augusto Moreira Pereira

CRMV-MG 5466

Conheça um pouco mais sobre o Dr. Alexandre Pereira e a Clinvet no vídeo à baixo:
 





ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Mastim napolitano: Saiba tudo sobre essa raça
03/10/2018 às 22:20:29

Raiva ameaça 170 mil cães e gatos em BH; baixa cobertura vacinal obriga PBH a estender campanha
03/10/2018 às 22:04:29

Pet hotel e sócios são condenados a indenizar família por fuga e desaparecimento de cães
03/10/2018 às 22:00:20

As cadelas podem ter mastite?
02/10/2018 às 22:40:44


© Canil Garra 2018. Todos os direitos reservados. Webmail

E-mail: contato@canilgarra.com.br

Fale Conosco