HOME     COLUNISTAS     QUEM SOMOS     RAÇAS     FOTOS     NOTÍCIAS     CONTATO

   

Notícias
Verme pode matar o cachorro? Entenda aqui 19/07/2021 às 19:15:57

Neste artigo, você vai descobrir se verme pode matar o cachorro e o que você precisa levar em consideração na hora de cuidar do pet com relação a estes parasitas.

Afinal, vermes são muito comuns e, ao mesmo tempo, podem trazer uma série de riscos para o animal, principalmente aqueles relacionados a qualidade de vida do cão.

Portanto, continue lendo e aprenda mais sobre o tema.

Verme pode matar o cachorro?

Sim, verme pode matar o cachorro.

Mas não são todos os tipos de vermes que podem levá-lo a óbito. Alguns tipos específicos são mais agressivos do que os outros, uma vez que eles não são tão fáceis de serem percebidos no organismo do animal e, portanto, podem fazer um estrago muito grande.

Quando um verme se instala no organismo do pet, vários sintomas podem aparecer.

Só que estes sintomas são, também, muito característicos de várias outras doenças. Por isso, o diagnóstico precisa ser feito exclusivamente via veterinário, de modo que o tutor não fique no “achismo” e perca tempo para um tratamento adequado. Afinal, se o tratamento for demorado ou sequer for feito, o verme pode matar o cachorro.

Tá, mas quais são os principais vermes, neste caso? Veremos a seguir.

Principais vermes que podem afetar o cachorro

Aqui no blog, nós já escrevemos sobre os principais vermes que podem se instalar no cachorro, veja: Tipos de vermes de cachorro: causas, sintomas e tratamentos. Você pode se aprofundar um pouco mais no assunto e entender mais sobre cada um deles.

De maneira geral, os principais vermes que podem afetar o cachorro, são estes aqui:

  • Lombrigas;
  • Dirofilaria;
  • Tênia;
  • Trichuris;
  • Ancilostomideo;

Desta lista, a tênia e a lombriga, talvez, sejam um dos tipos de vermes mais comuns em cachorro. Você pode vê-las, inclusive, no meio das fezes e, assim, fazer o diagnóstico de que seu cão está com vermes. Esses bichos ficam se movimentando em meio as fezes e é até bem fácil de percebê-los

Portanto, é muito importante que você, tutor, esteja sempre atento aos potenciais problemas que o cão pode estar enfrentando. Perceber as coisas no dia a dia ajuda (e muito) a tratar e evitar um problema mais grave com o seu cãozinho no longo prazo. Lembre-se disso.

Verme de cachorro pode passar para os humanos?

Além de entender se verme pode matar o cachorro, os tutores também precisam entender todo o panorama geral deste problema.

Neste caso, é preciso entender, também, que os vermes de cachorro podem, sim, passar para os humanos. Ou seja, se você notar o seu cachorro com tênias ou lombrigas nas fezes, cuidado para não se contaminar ao limpar a sujeira.

Assim como nos cachorros, os vermes também podem se desenvolver facilmente no organismo humano. Afinal, este é o habitat natural e preferido deles, de modo que possam se reproduzir e somente serem notados a partir do momento que já estão em dominação total do ambiente.

Embora estes vermes possam ser “detidos” com o uso de uma vermifugação correta em humanos e cachorros, é importante tomar cuidado para que o contágio não aconteça, embora isso seja algo difícil de controlar – principalmente nos cães.

Vamos entender mais sobre prevenção no decorrer do texto. Continue lendo.

Sintomas que indicam vermes no cachorro

cachorro com verme

Cão no parque – Foto: Freepik

Muito embora os vermes geralmente são notados somente nas fezes e quando eles já estão dominando o organismo do dog, é importante tentar observar outros sintomas que também podem aparecer.

Porém, o grande problema dos sintomas é que eles são muito parecidos com qualquer outro tipo de doença. Veja a lista dos sintomas que indicam vermes no cachorro:

  • Perda esporádica de peso;
  • Diarréias e vômitos;
  • Excesso de descanso;
  • Dificuldade para ir ao banheiro;
  • Sangue nas fezes;

Continue lendo para entender um pouco mais sobre cada um destes sintomas, em detalhes, a partir de agora.

Perda esporádica de peso

Já entendemos que verme pode matar o cachorro.

No entanto, é preciso entender, também, quais são os sintomas que podem aparecer antes mesmo de o animal vir a óbito. E neste caso, a perda esporádica de peso é um fator indicativo muito claro de que o cão pode estar passando por uma infecção por vermes.

Portanto, é importante que você observe atentamente a rotina e o dia a dia do pet. Você só vai perceber que ele está mudando drasticamente, se tiver uma percepção de como ele era antes.

As perdas esporádicas de peso podem acontecer pela falta de apetite – algo facilmente notável – e também pelo perda de líquidos através da diarréia e dos vômitos, que veremos abaixo.

Diarréias e vômitos

Muito embora este seja um sintoma muito comum de qualquer outro tipo de doença ou problema no organismo, a diarréia e os vômitos vão, sim, estar presentes na rotina de um cão que tem vermes.

Este tipo de reação está relacionada, principalmente, pelo fato de que o organismo do pet está notando algo estranho por ali e precisa, de alguma forma, expulsar o problema.

Diarréias e vômitos acontecem por este motivo e sempre indica algum tipo de desequilíbrio no organismo – que pode ser um montão de coisas, inclusive, vermes.

Sempre que você notar o seu cachorro vomitando e com diarréia, não hesite em procurar um veterinário. Não tente fazer medicações caseiras ou tratamentos naturais. Procure um veterinário não só para tratar o problema. Mas também, para identificar o causador dele.

Excesso de descanso

Este é um dos sintomas mais claros de que o cão não está bem. Principalmente para um cão bagunceiro e brincalhão, o excesso de descanso e a falta de ânimo podem indicar que algo está acontecendo por ali e você, como um bom tutor, precisa saber disso.

É claro que um cão que perdeu o ânimo para as coisas, não necessariamente indica um quadro de vermes. No entanto, pode ser um sinal de que há a presença destes parasitas e o tutor precisa buscar orientação veterinária o quanto antes.

Inclusive, uma verificação extra, neste caso, é: verifique se o cão está com a barriga dura ou inchada. Caso esteja, pode ser que ele esteja com intestino preso justamente pela presença de vermes ali. Neste caso, a falta de ânimo pode estar relacionada aos vermes, sim.

cachorro com verme

Cão na veterinária – Foto: Freepik

Verme pode matar o cachorro – Dificuldade para ir ao banheiro

Outra coisa que o tutor precisa ficar atento e observar a todo momento, são as idas ao banheiro do seu doguinho. As idas ao banheiro revelam muito sobre a saúde do pet e, portanto, você poderá ter muitos insights do que está ou não acontecendo com o animal.

Se você notar uma dificuldade de o cão ir ao banheiro ou até mesmo dores na hora das necessidades, pode ser vermes. Inclusive, pode ser que o cão esteja com o intestino preso e sequer consiga fazer suas necessidades.

Neste caso, a infecção já pode estar bastante ampla no intestino no pet e você precisa levá-lo o quanto antes ao veterinário.

A saúde do pet está diretamente relacionada com as idas saudáveis ao banheiro. Não só vermes, como outras doenças também podem ser identificadas a partir de um desequilíbrio na hora de fazer as necessidades. Lembre-se disso!

Verme pode matar o cachorro – Sangue nas fezes

E por fim, um indicativo muito claro de que o cão está com vermes (ou com outro problema), é o sangue nas fezes. O sangue nas fezes pode ser causado por várias situações diferentes e indica que há alguma ferida ou algum rompimento de um vaso sanguíneo na região do intestino ou reto.

Este é um exemplo do porque você, tutor, precisa ficar atento as fezes do seu cão. Não tenha nojo de dar uma olhadinha todas as vezes que o cão foi ao banheiro. Isto é fundamental para tentar identificar algum problema e tratá-lo o quanto antes.

Tem como prevenir vermes no cachorro?

Infelizmente, não.

A gente sabe que verme pode matar o cachorro e, neste caso, cabe tratamento para proteger o animal. No entanto, a prevenção não é possível, porque os vermes podem entrar no organismo do pet de maneiras muito aleatórias e você não tem um controle sobre isso.

Por exemplo, se o cão sair para caminhar e simplesmente cheirar o lugar que outro cão passou ou fez alguma necessidade, a contaminação já pode acontecer. Sim, é assim fácil!

Por mais que a vermifugação ajude a acabar com os vermes, ela não é um método de prevenção. Mas sim, de tratamento. No entanto, alguns veterinários indicam o uso de vermífugos de seis em seis meses. Ou seja, se o pet pegou vermes entre este período, de alguma forma, eles serão exterminados com o vermífugo.

Porém, somente faça este tipo de tratamento com indicação de um veterinário. Inclusive, peça ajuda ao profissional para encontrar o melhor vermífugo para o seu cão – pois existem muitos tipos diferentes.

Verme pode matar o cachorro – O que é o verme do coração?

O verme do coração, ou Dirofilariose, é um tipo de verme que pode matar o cachorro. Este é um verme muito agressivo pelo fato de que ele se aloja no coração e todos os sintomas que mencionamos anteriormente, não serão percebidos. Ou seja, ele é mais silencioso e mais letal.

Para identificar a presença do verme do coração no seu cachorro, é preciso fazer exames de rotina, em que o veterinário colhe uma amostra de fezes e busca a presença destes parasitas. É somente assim que você poderá identificar este tipo de verme.

 

 

 

Por: Camila Bonatti

Fonte: (Portal do Dog)

 






ÚLTIMAS NOTÍCIAS
5 motivos pelos quais seu cão dorme ao seu lado
22/07/2021 às 18:47:12

Ácaro-de-galinha: tudo que você precisa saber
22/07/2021 às 18:28:45

Verme pode matar o cachorro? Entenda aqui
19/07/2021 às 19:15:57

Jovem trabalha todos os dias com cachorro na mochila
19/07/2021 às 19:07:35


© Canil Garra 2021. Todos os direitos reservados. Webmail

E-mail: contato@canilgarra.com.br

Fale Conosco