HOME     COLUNISTAS     QUEM SOMOS     RAÇAS     FOTOS     NOTÍCIAS     CONTATO

   

VOCÊ SABIA?
Bretagne é a última sobrevivente canina que trabalhou no resgate de vítimas no World Trade Center 11/09/2015 às 21:01:42

O papel dos cães no ataque ao World Trade Center, no fatítico dia 11 de setembro de 2001, foi importantísismo em diversas frentes. Foram mais de 600 cães no geral auxiliando nas buscas de sobreviventes; confortando as vítimas; dentro do prédio como cães guia levando seus tutores para fora do prédio; e até mesmo perdendo suas vidas em um heroísmo que será para sempre lembrado e reverenciado por nós (leia as curiosidades caninas do WTC aqui).

Hoje, apenas um cachorro que trabalhou oficialmente na missão de busca e resgate continua vivo. Conheçam Bretagne, uma cadela da raça Golden Retriever, que junto com sua tutora Denise Corliss, ambos membros da Texas Task Force 1, foram enviados e focaram seus esforços incansavelmente nas duas semanas após o ataque na busca de sobreviventes.

Esse ano, ela completou 16 anos, e para comemorar sua vida e o significado dela ter estado presente em um momento tão doloroso na memória dos norte-americanos, Bretagne ganhou um presente de aniversário super especial. A Cadela e tutora passaram o dia em Nova York, brincando na fonte e passeando na Times Square. O momento foi gravado pela equipe do Bark Post.

 

 



 

 

 

 

 

Fonte: (Portal do Dog)

 

 






ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Sandra Bullock doa 100 mil dólares para ajudar animais vítimas de incêndio
15/11/2018 às 20:15:23

Conheça os alimentos mais venenosos para seu cão
06/11/2018 às 23:11:07

Um cão de rua entra em uma delegacia e se torna policial
06/11/2018 às 23:08:19

Quantas refeições o seu cão deve fazer?
06/11/2018 às 23:05:53


© Canil Garra 2018. Todos os direitos reservados. Webmail

E-mail: contato@canilgarra.com.br

Fale Conosco